Quando a última árvore tiver caído, o último rio tiver secado, quando o último peixe for pescado, vocês vão entender que o dinheiro não se come.

Greenpeace

I hope that God exist!

quarta-feira, 21 de dezembro de 2011

A rainha Maria Ana, a aia e o fantoche


A rainha Maria Ana, a aia e o fantoche
Acrílico s/ tela, 126X96cm

provavelmente o último quadro que pintei este ano, agora é limpar e organizar o atelier, para receber mais um ano de trabalho ...... ansiosa!
Agora é trabalhar para que o próximo ano seja tão ou mais positivo que este

domingo, 11 de dezembro de 2011

A viagem


A viagem
Acrílico s/ tela, 126X96cm

a pensar em todas as viagens que faço sem sair de casa - Em pensamento vou onde quero, não há fronteiras nem limites, nem títulos de viagem, há a minha total liberdade

segunda-feira, 5 de dezembro de 2011

O penteado da rainha Maria Ana


O penteado da rainha Maria Ana
Acrílico s/tela, 126X96cm

quinta-feira, 24 de novembro de 2011

Paz pela metade


Paz pela metade, Acrílico s/tela, 126X96cm

Dangerous


Dangerous, Acrílico s/tela, 126X96cm

Há uns tempos vi aqui na net umas fotos maravilhosas de pinturas faciais do povo da Etiópia, a simplicidade dessas pinturas conjugadas com outros elementos naturais, folhas, ramos, galhos, frutos, flores.... mostravam-nos uma espectáculo digno de apreciar. Baseado neste trabalho cuja simplicidade é belíssima decidi iniciar algumas pinturas, ainda não sei quantas, até a minha vontade deixar.
Fica a minha homenagem a todos os homens e mulheres, que não deixam as suas raízes caírem no esquecimento e que fazem questão de mostrar a sua história através de grafismos simples

quarta-feira, 23 de novembro de 2011


Feira de Arte contemporânea 2011
Allarts Gallery

Feira de Arte contemporânea 2011
Junto da parede Novas Propostas
Allarts Gallery

sábado, 19 de novembro de 2011

Casino Estoril


Duas obras a ver no Casino Estoril de 25 Novembro a 15 Janeiro

sexta-feira, 18 de novembro de 2011

Feira de arte 2011




Estarei na feira de arte 2011 ( de 23 a 27 Novembro) com trabalhos novos, fica aqui o link da Allarts Gallery para dar uma vista não só dos meus trabalhos mas também dos outros dois artistas que integram o Stand Allarts

http://allartsgallery.com/pt-PT/exposicoes/41-arte-lisboa-2011-allarts-gallery-stand-fil-p1-a17

Quem estiver interessado em visitar a Arte Lisboa 2011 saiba que às primeiras 50 pessoas a passar na Allarts Gallery, Rua da Misericórdia, 30 ao Chiado, entre 18 a 23 de Novembro receberá duas entradas gratuitas para visitar o certame. Atenção que a Galeria está encerrada Domingo e 2ª feira (portanto dia 21 e 22).

segunda-feira, 14 de novembro de 2011

Assim zango-me


Assim zango-me, Acrílico s/tela, 120X80cm

Há caminhos perigosos,quando os percorremos tendemos a estar atentos a um dos lados, pensando que o perigo só espreita do lado mais escuro

Pormenor " assim zango-me"

Ontem aproveitei o dia para pintar, a chuva tem os seus benefícios, não nos distrai e gostamos de companhia de nós mesmos.
Chuva, música, tintas, pincéis e um beijo de vez em quando....é ou não é momentos de felicidade?

quinta-feira, 10 de novembro de 2011

Maria, como foste nessa?!!!!


Maria, como foste nessa?!!!!
Acrílico s/tela, 120X80cm

A aparição


A aparição, Acrílico s/tela, 95X83cm

segunda-feira, 7 de novembro de 2011

Estarei com novos trabalhos na
Feira de Arte Contemporânea - Lisboa, 23 a 27 Novembro 2011, no stand Allarts gallery e também no Espaço PROPOSTAS ARTE LISBOA 2011( também na feira) com a mesma galeria
espero encontrar-vos por lá e que gostem
bjinhos

quinta-feira, 3 de novembro de 2011

A posse


A posse, Acrílico s/tela, 120X80cm
Não te preocupes é só um beijo, ups! dois! logo, logo partem e deixam-nos a sós, ciumento!

terça-feira, 1 de novembro de 2011

Para a próxima só mostro o meu trabalho quando o entender como concluído, sempre que alguém o vê ainda na sua fase de execução corta-me a onda e desvia-me do caminho. VIVENDO E APRENDENDO

quarta-feira, 26 de outubro de 2011

Dia da treta?

Não sei se vai ser um dia da treta ou não. Pelo sim pelo não já me preveni, pequei no lápis e papel e comecei a esboçar novas ideias. Se afinal o dia correr bem, espero que sim, vou continuar e aproveitar as novas ideias.
Estou a fervilhar com tanta energia na minha cabeça, tenho que aproveitar para equilibrar com aqueles momentos em que a ideias se vão com o banho da manhã. A ver vamos.....

terça-feira, 25 de outubro de 2011

pormenor de 2 obras

duas obras lado a lado

Esta nova série de trabalhos onde aparece timidamente a figura masculina, chama-se : LEVO UM BEIJO FANTASMA.

Aos 4 ventos


Aos 4 ventos
Acrílico s/tela, 120X80cm

segunda-feira, 24 de outubro de 2011

Sabe tão bem estar no atelier a pintar, a ouvir música e lá fora a chover
Sabe tão bem estar nesta paz de espírito e esquecer tudo aquilo que me apoquenta

sexta-feira, 21 de outubro de 2011

Dá-me um beijo. Suave!



Dá-me um beijo.Suave!
Acrílico s/tela, 120X80cm

A todos os beijos do mundo, aos fortes, aos intensos, aos desejados, aos primeiros, aos meus, aos sentidos e também aos não sentidos. A todos.

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

no atelier




Há sempre uma fase em que eu espalho os recém trabalhos pelas paredes do atelier, chamo-lhe a fase de adaptação, é quando de facto VEJO os meus trabalhos, digo a brincar que é uma exposição só para mim, para o Nuno e o Gustavo. Eles aproveitam e fazem as criticas e os seus juízos.

terça-feira, 18 de outubro de 2011

segunda-feira, 17 de outubro de 2011

terça-feira, 11 de outubro de 2011

O beijo


O beijo
Acrílico s/tela, 100X80cm

Os espinhos




os espinhos
Acrílico s/papel, 140X100cm
há vezes em que dão cabo da cabeça, parece que me estão a espetar espinnhos

I want to be an animal


I want to be an animal

Acrílico s/papel, 100X100cm

se eu fosse um bichos destes dava um coice e depois arranhava quem me chateasse

segunda-feira, 10 de outubro de 2011

I want to be an animal



I want to be an animal
100X70cm, Acrílico S/tela

eu quero ser um bicho, um bicho rico e poderoso, mandava no mundo e não deixava que o mundo me chateasse

domingo, 11 de setembro de 2011

The end of innocence


the end of innocence
Acrílico s/ papel, 100X140cm

No atelier



Estava num daqueles dias sem ideias,comecei a fazer um estudo à escala real em papel craft ( sem qq compromisso, só para ocupar o tempo), pensando que se gostasse do resultado o passaria para a tela. Numa das muitas visitas do meu filho ao meu atelier só para me dar um beijo, ele olhou para o que eu estava a fazer e perguntou se eu ia pintar naquele papel, o mais comum papel de embrulho: fez-se luz na minha cabeça, nem esperei que essa ideia se disseminasse... peguei no pincel mergulhei-o na lata de tinta preta e voilá, aqui está o resultado de um dia sem ideias

quinta-feira, 8 de setembro de 2011

O desvio


O desvio
Técnica mista s/tela, 80X65cm
Todos nós, seja por que motivo, decidimos sair da estrada e tomar um outro caminho que quase sempre não é o correcto

este trabalho sai um pouco da linha dos anteriores, mas estava a ficar arreliada com ele e arrisquei

quarta-feira, 7 de setembro de 2011

Exposição de pintura


Exposição de pintura de Ana Cristina Dias – “Anos de Ouro”
22 de Setembro a 15 de Outubro

A Allarts Gallery tem o prazer de convidar V. Exa. para a abertura da Exposição de pintura de Ana Cristina Dias – “Anos de Ouro”, dia 22 de Setembro de 2011 entre as 18h30 e as 23h00.
Esta exposição integra a iniciativa da CML / Bairro das Artes – Rentreé Cultural da 7ª Colina. Diversas galerias de arte da zona do Chiado, associadas ao evento, inauguram nesse mesmo dia exposições, permanecendo abertas até às 23h00.

terça-feira, 6 de setembro de 2011

O colar


O colar
Acrílico s/tela, 80X60cm

segunda-feira, 29 de agosto de 2011

Vê por onde andas


Vê por onde andas
Acrílico s/tela, 120X80cm

Quando era miúda andei sobre o parapeito da varanda de um 3º andar, escusado será dizer que resultou numas boas palmadas e um mar de lágrimas da mãe por pensar que podia ter acontecido o pior. Ainda hoje tenho uma relação amor/ódio pelas alturas.

terça-feira, 23 de agosto de 2011

O chilrear


O chilrear
Acrílico s/tela, 120X80cm

Quando era pequena ia diariamente a casa da Titita ( tia), a casa tinha (tem) um quintal onde ela dedicava o seu talento na jardinagem, tinha canteiros de flores magníficos, no verão mesmo à tardinha era maravilhoso brincar naquele quintal , não só pela envolvente colorida mas pelo chilrear das andorinhas. Um som que guardo com saudade

O feliz encontro


O feliz encontro
Acrílico s/tela, 90X90cm, 2011

Este trabalho foi alterado, pela 1ª vez mexi num trabalho que tinha dado como concluído, não me arrependo, se o fiz é porque lá bem no fundo não o aceitava como estava!

As manas - a boa e a má


As manas - a boa e a má
Acrílico s/tela, 80X60cm, 2011

sempre tive a sensação de encarada como a mana má... :(

domingo, 14 de agosto de 2011

Espero ver-te passar II


Espero ver-te passar II
Acrílico s/tela, 80X60cm, 2011

segunda-feira, 8 de agosto de 2011

Tenho que repensar o quadro " A viagem", agrada-me o conceito, mas tenho que o fazer "aparecer" de maneira em que eu me apaixone por ele e como ele está eu sinto uma vontade de o mudar....amanhã talvez!

sábado, 6 de agosto de 2011

No meio da dificuldade encontra-se a oportunidade.
Albert Einstein

São pensamentos destes que me fazem continuar com o mesmo entusiasmo com que comecei

quinta-feira, 4 de agosto de 2011

My best friend II


My best friend II, Acrílico s/tela, 80x60cm

Um dia quando chego da escola tinha em casa um surpresa, uma boa surpresa. O pai oferecera-nos uma cadelinha, durante 15 anos foi sem dúvida uma grande amiga
à Katty

segunda-feira, 1 de agosto de 2011

Um trecho do texto sobre os novos trabalhos a serem expostos em Setembro

...A pintora deixa-nos a sós. Deixa-nos a sós na procura do indizível. Deixa-nos envolvidos pela
estranheza do que é simples. Pouco importa se há: uma paisagem; um interior; um móvel;
um objecto; um espaço… quando o que se procura é que enquanto espectadores sejamos
motivados a participar na realização destas histórias. Histórias com gente e ainda com bichos....

um obrigada do coração ao meu professor de Gravura e também artista plástco, José Mourão

O anjo da guarda




O anjo da guarda, Acrílico s/tela, 100x80cm
Quando era criança não dormia sem antes fazer uma pequena oração ao meu anjo da guarda, mas tarde passei-a ao meu filho, mas não me parece que alguma vez ele a tenha dito

quinta-feira, 28 de julho de 2011

O retrato- Stop in time


O retrato-Stop in time
Acrílico s/tela, 100x80cm

Todos nós já demos um retrato nosso a alguém, a vontade de permanecer sempre com essa pessoa ou um simples testemunho para quando já não estivermos. Com alegria

quarta-feira, 27 de julho de 2011

Para mim é muito mais fácil pintar do que me relacionar com as pessoas
27, Julho, 2011

segunda-feira, 25 de julho de 2011

MY BEST FRIEND


My best friend, Acrílico s/tela, 90X90cm

Dedicado à katty, uma cadelinha que o pai nos ofereceu tinha eu 14 anos, viveu connosco 15 anos

segunda-feira, 4 de julho de 2011

A MENINA COM VESTIDO DE TULE


A menina com vestido de tule, Acrílico sobre tela, 100X81, 2011


Lembro-me de ter um vestido cor de rosa, a minha irmã tinha um igual. Recordo-me particularmente deste vestido, não sei bem porquê

quinta-feira, 30 de junho de 2011

ÀS ESCONDIDAS


Às escondidas, Acrílico s/tela, 65x80cm

terça-feira, 28 de junho de 2011

AS MENINAS


As meninas
Acrílico s/tela, 85x110cm

Enquanto o quadro ia acontecendo eu pensava nas diferenças entre as meninas (irmãs). enquanto uma gosta de contemplar as borboletas para a outra elas, borboletas, são só uma possibilidade de alimento para o pássaro. Assim somos nós ( eu, Rute e Bela)

segunda-feira, 20 de junho de 2011

Amazed


Amazed, Acrílico s/tela, 61X46cm

O gato já vinha a queixar-se, há muito tempo, ao pássaro que estava a morrer de sede, quando finalmente chegaram a casa qual não é o seu espanto quando o pássaro abeira-se do único copo de água e bebe-a sem lhe deixar pinga.
Este quadro nasceu a pensar naquelas situações em que somos apanhados pelos vira-casacas, os que viram o bico ao prego.

domingo, 19 de junho de 2011

Saber pintar não é o suficiente para fazer um quadro, é preciso (também) saber alguma coisa da vida. O nosso conhecimento sobre alguma coisa é o que o observador procura quando olha um quadro

quinta-feira, 16 de junho de 2011

Pintar , para mim, é como falar sobre a minha vida e por dominar tão bem este conhecimento é que se torna tão simples pintar.

A BOLA DE SABÃO


A BOLA DE SABÃO, Acrílico s/tela, 80x60cm
Quando eu era criança costumava brincar com as minhas irmãs fazendo bolas de sabão na varanda da cozinha. Um dia, no fim de uma tarde de verão, eu soprava as minhas bolas de sabão em direcção à cara da Bela, depois de muitas bolas e muitos avisos, ela chateou-se e deu uma sapatada no copo com água e detergente que eu segurava na mão esquerda, o acto inesperado projectou grande parte do liquido para dentro das minhas gargalhadas, ia sufocando, nunca bebi tanto "sonasol" como naquele dia. A brincadeira acabou em lágrimas de aflição, eu porque me engasguei e a Bela porque ficou aflita pelo que me fez.

quarta-feira, 8 de junho de 2011

O baloiço



O baloiço
Acrílico s/tela, 70x100cm
Quando eu era criança passava férias em Tomar, na casa dos meus tios, lá havia um baloiço pendurado numa oliveira. Este precioso brinquedo era partilhado com a mana Rute e as primas Sofia Graça e Sóninha. Nunca nos cansávamos. Naquele tempo eramos realmente felizes

quinta-feira, 2 de junho de 2011

TIME TO GO




Time to go
Acrílico s/tela, 100x70cm

Este quadro fala-nos sobre alguns capítulos na nossa vida que não ficam resolvidos mas que nós damos como terminados e sem esperarmos, mto tempo depois, reaparecem tirando-nos a capacidade de os resolver- TIME TO GO

terça-feira, 31 de maio de 2011

Espero ver-te passar - anos dourados




Espero ver-te passar - anos dourados
Acrílico s/tela, 90x80cm, 2011

terça-feira, 17 de maio de 2011

Bad Cat



Bad Cat, Acrílico s/tela, 95x60cm